Dicas para cuidar da saúde mental feminina

Dicas para cuidar da saúde mental feminina nas atitudes diárias

O cuidado com o corpo e a mente já se tornou uma pauta frequente nos últimos anos, especialmente após o período de pandemia da COVID-19. Sem deixar as questões físicas de lado, é essencial buscar dicas para cuidar da saúde mental feminina. 

Questões como depressão, ansiedade, crises do pânico e burnout deixaram de ser tabus e passaram a ser encaradas com a seriedade que merecem, inclusive, identificando as similaridades e diferenças entre o surgimento de doenças e transtornos em homens e mulheres. 

Pensando nisso, a Cali selecionou 7 dicas para cuidar da saúde mental feminina no dia a dia, adotando atitudes simples, mas que podem te ajudar a ficar mais saudável e ter mais qualidade de vida. 

Vamos entender mais sobre o bem-estar emocional para as mulheres?

Saúde mental feminina: o que é?

Além dos percalços do dia a dia, estresse do trabalho e correria cotidiana, a saúde mental feminina está constantemente propensa a ser afetada por fatores como a TPM, as dificuldades em ambientes domiciliares e, ainda, a violência doméstica

Estes aspectos, mais do que minguar a confiança e a qualidade de vida, também afetam o bem-estar feminino, podendo desencadear doenças como ansiedade e depressão.

Neste sentido, é essencial desenvolver estratégias para cuidar da mente feminina que levem em consideração não apenas o contexto geral das doenças e transtornos, mas também as diferenças entre homens e mulheres. 

De acordo com a Think Olga, em uma matéria da Agência Brasil, pelo menos 45% das mulheres brasileiras sofrem com transtorno de ansiedade ou depressão no país atualmente. 

Por isso, mais do que priorizar a autoestima e saúde mental feminina, é preciso pensar sempre em dicas de equilíbrio mental em mulheres, protegendo aquelas que estão em situação de vulnerabilidade – por qualquer motivo que seja. 

7 dicas para cuidar da saúde mental feminina

Pensando neste cenário, selecionamos 7 dicas para cuidar da saúde mental feminina que podem ser adotadas no dia a dia, em pequenas ações do cotidiano, o que favorece o bem-estar emocional das mulheres. 

  1. Tenha uma alimentação saudável

Diversos alimentos que consumimos no dia a dia são capazes de ajudar nosso cérebro a manter o equilíbrio necessário para evitar desânimos ou o desenvolvimento de transtornos e doenças. Sempre que possível, prefira alimentos naturais, como frutas, verduras, legumes, grãos etc.

  1. Tenha uma rotina ativa

A correria do dia a dia não deve ser sua única atividade. Você precisa incluir na rotina a prática de exercícios físicos para que seu corpo mantenha-se estimulado e saudável.

  1. Não abuse de substâncias que não fazem bem

O consumo de álcool, tabaco, drogas e outros pode ser um fator de risco para o desenvolvimento de determinados transtornos mentais. Evite usá-los e, se precisar de ajuda, conte com um profissional especializado para livrar-se deles.

  1. Fale sobre seus sentimentos

É muito importante ter acompanhamento psicológico frequente para entender seus sentimentos e pensamentos. Além do profissional, conversar sobre o que sente com os amigos e a família pode ser muito proveitoso para o desenvolvimento mental e pessoal.

  1. Aprenda a controlar suas emoções

Por mais estressante que seja o trabalho ou os acontecimentos negativos do dia, eles não podem pautar seu estado mental. Aprenda a separar as emoções e controlá-las para que não sejam o estopim da sua negatividade.

  1. Não ignore suas necessidades

Você também precisa de tempo de qualidade, inclusive tempo livre e acompanhada de quem você ama – ou sozinha, se preferir! Priorizar suas necessidades é tão importante quanto o cuidado que você dispensa aos outros.

  1. Não tenha medo de pedir ajuda

Pode parecer assustador, mas precisar de ajuda é natural para qualquer ser humano. Sempre que você se sentir perdida ou pressionada, não hesite: procure um profissional ou uma pessoa de confiança com quem possa conversar e que possa te ajudar. 

As estratégias para cuidar da mente feminina incluem, basicamente, o autocuidado. Pequenas atitudes, como alimentar-se bem, priorizar o sono e ter tempo de qualidade são essenciais para manter a autoestima e saúde mental feminina em dia. 

Hábitos saudáveis e a saúde mental feminina

Desenvolver hábitos saudáveis é um grande passo rumo ao bem-estar emocional para mulheres. 

Seguir dicas para cuidar da saúde mental feminina e acompanhar outras mulheres que vivem a mesma realidade que você são passos essenciais, que representam uma parcela significativa do cuidado que você merece – mesmo parecendo atitudes tão simples. 

A verdade é que, com a correria do dia a dia, muitas vezes, a saúde mental feminina acaba ficando em segundo plano, quando, na realidade, o bem-estar emocional para mulheres é tão essencial quanto o de todas as pessoas. 

Mais do que descobrir as dicas para cuidar da saúde mental feminina, é preciso entender os fatores que podem prejudicá-la e, sempre que possível, erradicá-los.

Para muitas mulheres, práticas como o yoga ou a leitura de um livro de desenvolvimento pessoal, por exemplo, são válvulas de escape poderosas, capazes de desestressar e permitir um tempo de conexão com o “eu”. 

Mas lembre-se: não basta basear toda a rotina de autocuidado em dicas para cuidar da saúde mental feminina. É preciso buscar ajuda profissional e construir uma rede de apoio que te ampare nos momentos de necessidade. 

Sua saúde mental, assim como a saúde física, é insubstituível. 

Você merece ter todo o cuidado que oferece aos outros diariamente. E o primeiro passo parte de você mesma. 

Inspire-se nas nossas dicas para cuidar da saúde mental feminina, priorize seu bem-estar e qualidade de vida e, como recompensa, desfrute de todos os momentos com mais liberdade, felicidade e paz!